A cozinha tribal de Steffany Hollingsworth

A Cozinha Tribal, rica em cor e textura, representa um conceito cosmopolita, como a própria designer, Steffany Hollingsworth, define seu trabalho.  O design da cozinha, que incorpora produtos da CosentinoKohler e Benjamin Moore, evoca um sentimento instintivo de estar conectada às raízes tribais e históricas. Steffany e a sua equipe utilizaram o novo Silestone Eternal Serena e Marquina com textura Suede em todo o espaço.

“Fizemos esta cozinha para um casal cosmopolita, que gosta de cozinhar juntos, convidar amigos e familiares e que disfrutam do seu tempo livre quando estão em casa: ver o anoitecer, ler um bom livro ou tomar um café ou um copo de vinho em frente à lareira. Tal como acontecia em culturas diferentes ao longo da história, o fogo une as pessoas”, explica Steffany.

A designer quis evidenciar o design com inspiração “tribal”, focado em celebrar a influência cultural de todas as formas e entrelaçou objetos artesanais junto ao estilo contemporâneo. A influência da natureza também é presente no projeto. “A natureza, tanto em sua forma literal como interpretada, dá alma aos espaços que criamos”, enfatiza.

A profissional mesclou uma grande variedade de texturas, formas e materiais. “Gosto de unir elementos foscos com acabamentos refinados e sempre me esforço a proporcionar o sentido de autenticidade dos materiais e referências. Fiquei muito encantada com a nova série Eternal de Silestone. Serena e Marquina adicionam um toque de coesão, fazendo uma transição perfeita entre o efeito cru e o refinado”.

Steffany  escolheu o lavatório de Whitehaven com design de Hayridge porque se  encantou com a singularidade da peça. O  ar casual e a qualidade da textura foram perfeitas para o projeto.

“A cozinha é um espaço em que a forma deve ser secundária à funcionalidade, embora isto não comprometa a estética.  Todos os eletrodomésticos, a luz, la durabilidade e a manutenção das superfícies devem contribuir para a eficiência e comodidade”, complementa.

A profissional chama este projeto de “Instintos Tribais” porque queria criar uma cozinha que evoca um espaço mais casual, natural e contemporâneo. “Temos nos esforçado por transmitir uma experiência de vida – que fosse inteligente, cômoda e vivida na sua plenitude. Demos um tom esfumado a um espaço e levamos o tema do esfumado à madeira carbonizada, que cobriu o frigorífico num degradê de tons dos armários.

 

© Cosentino S.A. All rights reserved

Pin It on Pinterest

Share This