Dekton é destaque na cozinha do restaurante The French Laundry

O The French Laundry, restaurante do renomado chef Tomas Keller, passou por uma renovação estética e funcional. Com a reforma, o espaço ganhou belas bancadas de trabalho em Dekton Zenith com cantos arredondados e outros itens para tornar o dia a dia dos colaboradores do restaurante mais simples e eficazes.

Para o chef Thomas Keller, a reforma do The French Laundry representa uma reconstrução, uma maneira de expandir e modernizar o espaço existente, para que, tanto colaboradores como clientes continuem a desfrutar da melhor experiência possível no restaurante. Inspirada pelo Louvre, esta reforma aproxima o espaço original do The French Laundry ao estilo contemporâneo, cujo design foi concebido por Craig Dykers e Snøhetta.

A cozinha de primeira classe está agora em harmonia com a reputação do The French Laundry, e inclui zonas de trabalho elevadas, painéis solares, paredes, bancadas de trabalho Dekton. As superfícies Dekton oferecem à equipe do The French Laundry uma cozinha fácil de limpar, resistente aos riscos, calor e ao desgaste habitual das cozinhas de um restaurante tão concorrido.

 

Confira abaixo a entrevista com o chef Thomas Keller:

 

Qual foi a inspiração do “The French Laundry?”

O The French Laundry remonta há muitos anos atrás; foi construído inicialmente como ‘saloon’ aqui em Yountville. Um jovem casal francês comprou o edifício mais tarde e abriu uma lavandaria de limpeza a seco aqui. Quando o comprei em 1994, queria manter a sua história e tradição, por isso continuamos com o nome The French Laundry.

O que o levou a adotar um estilo mais contemporâneo?

A renovação foi sobretudo uma reconstrução; na realidade tratava-se de redefinir o futuro do restaurante. O nosso objetivo era criar um espaço de trabalho onde pudéssemos crescer e nos desenvolver como pessoas. O nosso novo espaço é muito contemporâneo, enquanto o anterior era muito mais tradicional. O contraste entre o velho e novo foi inspirado pelo Louvre. Um dos nossos hábitos era convidar os clientes a ir à cozinha, e quando comprei o restaurante queria garantir que ia manter algumas dessas tradições. Esta cozinha permite mostrá-la aos clientes, podendo passar algum tempo com eles ali, sem fazê-los sentir que estão atrapalhando ou dificultando o nosso trabalho.

Por que decidiu utilizar Dekton no seu design?

Elegemos Dekton por diferentes razões. A primeira, é que tem uma enorme resistência ao calor, o que é fantástico. É extremamente duradouro, resiste muito bem aos riscos e, claro, também às manchas. Na verdade, é à prova de manchas. Do ponto de vista estético, é muito bonito. Eu diria que quando se entra na cozinha, é realmente espetacular. Todas as paredes, bem como todas as mesas de trabalho, são feitas em Dekton.

Algum conselho para os aspirantes a chef?

Sempre gostei de aconselhar as gerações vindouras e ensinar os chefs mais jovens. Creio que a recomendação número um é a paciência, tirar algum tempo para aprender tudo o que há para aprender antes de dar o passo seguinte. O seguinte conselho é a persistência, gosto muito desta palavra. Não deixe que ninguém te diga que não pode fazer algo. Também é importante continuar a evoluir e correr riscos.

© Cosentino S.A. All rights reserved

Pin It on Pinterest

Share This