Select your location
Internacional - Inglés

Grupo Cosentino colabora na construção do Pavilhão de Espanha na Expo Milão 2015

Noticias

for download click image

O Grupo Cosentino converte-se num dos principais colaboradores do Pavilhão de Espanha na Expo Milão 2015, que será inaugurado no próximo dia 1 de maio. Esta colaboração é fruto do acordo estabelecido com a Acción Cultural Española (AC/E), órgão público responsável pela gestão da presença de Espanha em todas as exposições universais e internacionais.

A multinacional de Almeria converte-se num parceiro fundamental da proposta espanhola para esta edição da Feira Universal, sendo a empresa colaboradora na construção e fornecimento de materiais para o Pavilhão de Espanha, cujo design é da autoria do estúdio b720 do arquiteto Fermín Vázquez. Depois de Shangai, chegou agora a vez de Milão, que acolherá de 1 de maio a 31 de outubro um dos acontecimentos internacionais mais importantes do ano.

Na edição deste ano, participarão 144 países, e espera-se a visita de mais de 20 milhões de pessoas. No caso do Pavilhão de Espanha em particular, esperam-se cerca de 2,2 milhões de visitantes no total, cerca de 12.000 por dia. Sob o lema “Alimentar o planeta, Energia para a vida”, a Expo Milão 2015 pretende ser a primeira exposição universal lembrada não apenas pela sua arquitetura e atividades promovidas, mas também pela sua contribuição para o debate e para a educação sobre nutrição, alimentos e recursos em nível mundial.

A proposta espanhola assume, por sua vez, o lema “A linguagem do sabor”, que se projetará em torno de dois conceitos básicos: Tradição e Inovação. O Grupo Cosentino, que atualmente distribui os seus produtos em mais de 80 países e possui ativos próprios em 26 deles, aposta neste evento de repercussão mundial. Assim, partilha os valores e os eixos temáticos principais, tanto da Expo como da proposta de Espanha. A alimentação, a gastronomia, a eficiência dos recursos, o design ou a inovação tecnológica são campos básicos também da atividade da empresa espanhola.

Dekton®, versatilidade e múltiplas possibilidades para a arquitetura

O Pavilhão de Espanha, idealizado pelo estúdio b720 Fermín Vázquez Arquitectos, pretende ser um exponente da excelência da arquitetura espanhola atual. Com uma superfície superior a 3.000 m2, o edifício é inspirado numa estufa dupla com uma estrutura em forma de pórtico, e apresenta uma geometria clara e contida, fusão dos dois eixos que se pretendem projetar: a Tradição e a Inovação. Esta dualidade representa-se nos espaços principais do edifício: o auditório ou sala multiusos, zona de exposição, horto, um restaurante, dois bares, a loja e as oficinas.

for download click image

Dentro deste edifício estarão presentes os materiais da Cosentino, com destaque para a superfície ultracompacta Dekton®. A empresa espanhola cedeu quase 1.000m2 deste material inovador para diferentes usos e em distintas medidas e acabamentos, bem como lavatórios elaborados em outro produto de referência, Silestone®. Esta marca, líder mundial no segmento de superfícies de quartzo e que celebra este ano o seu 25º aniversário, já foi amplamente utilizada na Exposição Universal de Sevilha de 1992, em pavilhões tais como os da ONCE, Emirados Árabes e o da Andaluzia. A companhia reveste o espaço de Espanha com a sua última inovação tecnológica, um material pioneiro para a arquitetura e a decoração que mostra no Pavilhão todas as suas propriedades, bem como a sua versatilidade e múltiplas possibilidades de uso.

Os visitantes poderão apreciar Dekton® nos pavimentos do espaço público, zonas de exposição, sala multiusos, horto e nas zonas de oficinas e restauração. Assim, foi aplicado como bancada (balcão de bar de tapas, balcão de bar do auditório e balcão de zona vip), assim como na escada que dá acesso ao restaurante do segundo piso.

“O genoma do tomate”, uma das atrações do Pavilhão de Espanha

Uma das propostas mais atrativas e inovadoras do interior do Pavilhão será a recriação do genoma do tomate em placas de Dekton® colocadas como piso da zona de exposição e espaço público no piso térreo.

Sob o lema “A linguagem do sabor”, o estúdio do arquiteto Fermín Vázquez idealizou a recriação do genoma do tomate, um dos maiores avanços recentes no campo da biotecnologia e da investigação científica. Sequenciado de forma completa pela primeira vez em 2012, decifrar o genoma do tomate supôs um passo fundamental para a melhoria das variedades de cultivo e para o futuro da agricultura.

O estúdio b720 apostou em Dekton® como o melhor aliado para atingir este marco no design, onde as placas de Dekton® na cor Zenith de 2 cm foram gravadas mediante a tecnologia de impressão a jato com a sequência do DNA em letras, além do desenho de um tomate em tons de cinza. Isto é possível graças ao fato de Dekton® permitir uma absoluta personalização no seu design, convertendo-se assim no aliado perfeito para designers e arquitetos em todo o mundo. O material permite ser impresso, segundo o design desejado pelo profissional, mediante a avançada tecnologia de impressão a jato, única na indústria da pedra.


Previous article
Antonio Citterio Patricia Viel & Partners com a superfície ultracompacta Dekton® na Semana do Design de Milão 2015